Marca Maxmeio

Postado às 12h08 CulturaDestaque Nenhum comentário

18ª edição do evento traz novidades e oferece cursos, palestras e workshops para profissionais da beleza e da estética.

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

Em contagem regressiva, a organização da Natal Hair – Feira Regional de Saúde & Beleza alinha os últimos detalhes para o início da sua 18ª edição, no Centro de Convenções de Natal, nos dias 19 e 20, das 10h às 21h. Uma das maiores do Nordeste no segmento, a Feira é destinada tanto para profissionais dos salões de beleza, clínicas de estética, indústrias, fornecedores, distribuidores, quanto para o público no geral.

Inserida em um dos setores de maior expansão no Brasil (mercado de beleza e saúde), a Natal Hair oferece uma gama de novidades, além de cursos e workshops de Bronzeamento, Design de sobrancelhas, Mechas, Corte Unissex, Manicure, Penteados, Maquiagem e Mega Hair. O evento também traz a 4ª edição do Seminário de Beleza, Batalha de Barbeiros, Mega Show, Champion’s Barber Show, exposição de marcas nacionais e internacionais de produtos, equipamentos e serviços, desfiles e, palestras com os temas: A importância da gestão financeira para o sucesso do negócio de beleza; Contabilidade estratégica – do MEI ao empresário e Inteligência Emocional.

Durante a Feira, também serão discutidos assuntos como formalização de empresa, mídias sociais, contratos e certificação. A organização do evento é da Fafá Medeiros Produções. Confira a programação completa no site www.natalhair.com.br ou nas redes sociais.

Serviço

Natal Hair – Feira Regional de Saúde & Beleza

Data: 19 e 20 de agosto de 2018

Local: Centro de Convenções de Natal

Entrada: R$ 25 (público)

Inscrições | Workshops: R$ 100 (inclui entrada do evento)

Pontos de venda: Universo da Beleza – Rua Alberto Silva, 1317, 1° andar, Lagoa Nova; Centro de Cabeleireiro – Rua Centro Comercial do Alecrim; Casa Norte Beauty;
Galeria de Serviço do Midway Mall; Mais Baton – Rua Alberto Silva, 1276, Lagoa Nova

Mais informações sobre inscrição, através dos números (84) 98863-8063 / 99921-5473.

Postado às 11h08 CulturaPlantão Nenhum comentário

Lorena Queiroz, da novela Carinho de Anjo, tem show programado em Natal.

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

Boa notícia para os fãs potiguares da novela Carinha de Anjo, do SBT! A atriz e cantora mirim Lorena Queiroz, que deu vida à protagonista Dulce Maria, vem a Natal no dia 15 de setembro para apresentar um Pocket Show no Centro de Convenções.

A apresentação do evento, que acontecerá às 16h, será feita por Gabi Paz, do programa Olá Meninas e Meninos, da TV Ponta Negra. O show de abertura será da cantora mirim Bia Vilar. O evento terá dois setores: prata e ouro. Depois do show, Lorena fará um Meet & Great com os fãs que é um momento especial para os fãs conhecerem o artista de perto e tirar uma foto,. Para participar, basta adquirir o ingresso do setor ouro. Os acessos são limitados.

Os ingressos do show custam R$ 40 (meia) no setor prata e R$ 150 (meia) no setor ouro com direito ao Meet Great. No palco, Lorena promete encantar a todos com o show “Uma Pequena Grande História”. Os fãs terão a oportunidade de conferir grandes sucessos, com composições inéditas e clássicos infantis. Uma programação para toda a família. As vendas estão acontecendo no APP Viva e no www.bilheteriadigital.com.

A menina de apenas 6 anos é um fenômeno entre os pequenos. Já coleciona uma legião de fãs e números que fazem inveja em muito veterano. Mesmo tão novinha, Lolô, como gosta de ser chamada, mistura os trejeitos de uma artista de longa carreira com os de uma criança sapeca.

Postado às 23h08 CulturaDestaque Nenhum comentário

A Revista “Elas por Ela” foi lançada oficialmente na noite desta quarta-feira (15).

Dilma Campos é um exemplo de empreendedora brasileira.

A Revista “Elas por ela” foi idealizada pela fotógrafa Kalina Veloso.

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

A Revista “Elas por Ela” foi lançada oficialmente na noite desta quarta-feira (15), pela Diretora Executiva da Agência Outra Praia (SP), Dilma Campos, artista negra e empreendedora especialista em marketing promocional. O evento foi realizado no auditório da Governadoria, em Natal e reuniu cerca de 150 mulheres empreendedoras de diversos seguimentos da sociedade potiguar.

Nas páginas da publicação histórias, conceitos, artigos e fotografias de mulheres de destaque no país. O objetivo da Elas por Ela é conscientizar e despertar as mulheres sobre sua importância para a sociedade, assim como propagar a cultura feminina de direitos. A publicação é exclusivamente produzida por mulheres e retrata 48 personagens. Foi idealizada pela fotógrafa autodidata Kalina Veloso, possui projeto gráfico da Agência Ciranda e edição geral da jornalista Suzy Noronha.

Dilma Campos é um exemplo de empreendedora brasileira. Ele é formada em odontologia e trabalhava na área de eventos. Chegou a um cargo de direção de uma grande empresa da área, só que sabia que não tinha mais espaço para crescer. “Não tinha mais para onde ir, para onde crescer, acho que ali, como diretora de produção eu tinha alcançado o lugar máximo”, conta.

Na época, a empresária tinha 39 anos e já havia sido mãe. Não deu outra. Dilma Campos foi até um banco procurar crédito e descobriu que a situação não era nada favorável: “As pesquisas mostram isso, as mulheres têm maior dificuldade para conseguir crédito. Quando você é mulher, tem que provar três vezes que é melhor do que os outros, e quando você é mulher e negra, tem que provar cinco vezes que você é melhor que os outros.”

Hoje, a empresa de eventos e marketing profissional de Dilma tem 10 funcionários e espera fechar 2017 com R$ 3 milhões de faturamento.

Apesar de todas essas dificuldades, Dilma Campos faz parte de uma minoria. Apenas 20% das mulheres negras e pardas têm uma microempresa ou uma empresa de pequeno porte. Ou seja, as mulheres brancas são a maioria nas empresas mais bem estruturadas.

 

 

  • IMG_9326
  • IMG_9328
  • IMG_9335
  • IMG_9340
  • IMG_9346
  • IMG_9350
  • IMG_9482
  • IMG_9487
  • IMG_9490
  • IMG_9495
  • IMG_9497
  • IMG_9502
  • IMG_9503
  • IMG_9510
  • IMG_9518
  • IMG_9522
  • IMG_9529
  • IMG_9537
  • IMG_9541
  • IMG_9360
  • IMG_9365
  • IMG_9366
  • IMG_9375
  • IMG_9376
  • IMG_9377
  • IMG_9383
  • IMG_9387
  • IMG_9393
  • IMG_9402
  • IMG_9407
  • IMG_9415
  • IMG_9422
  • IMG_9431
  • IMG_9439
  • IMG_9441
  • IMG_9446
  • IMG_9452
  • IMG_9456
  • IMG_9458
  • IMG_9460
  • IMG_9462
  • IMG_9465
  • IMG_9468
  • IMG_9492
  • IMG_9512
  • IMG_9514
  • IMG_9516
  • IMG_9524
  • IMG_9526
  • IMG_9527
  • IMG_9549
  • IMG_9554
  • IMG_9323
  • IMG_9532
  • IMG_9545
  • IMG_9507
  • IMG_9519
  • IMG_9533
Postado às 20h08 CulturaDestaque Nenhum comentário

l

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

O jornalista matuto Joaquim Pinheiro lança a coletânea “Relatos, notícias e memórias” nesta quarta-feira, 15, no Espaço Cultural Fernando Chiriboga, no Midway, a partir das 18 horas. O jornalista reúne textos publicados em veículos de comunicação que tratam de temas que marcaram a história política e o cotidiano no Rio Grande do Norte nos últimos vinte anos. A coletânea é ilustrada com 30 fotografias do autor e personagens. O prefácio é do também jornalista e publicitário Ricardo Rosado, apresentação do deputado Ezequiel Ferreira e solapa do professor Luiz Eduardo Carneiro Costa.

Postado às 23h08 CulturaDestaque Nenhum comentário

Lançamento da Revista “Elas Por Ela”.

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

A Revista “Elas por Ela” direcionada ao público feminino foi lançada na noite desta segunda-feira (13), na Oxage Yoga do Natal Shopping. A publicação trás  histórias, conceitos, artigos e fotografias de mulheres de destaque no país. O objetivo da Elas por Ela é conscientizar e despertar as mulheres sobre sua importância para a sociedade, assim como propagar a cultura feminina de direitos. A publicação é exclusivamente produzida por mulheres e retrata 48 personagens. Foi idealizada pela fotógrafa autodidata Kalina Veloso, possui projeto gráfico da Agência Ciranda e edição geral da jornalista Suzy Noronha.

Em suas 70 páginas apresenta um olhar sensível das 18 profissionais que trabalharam para tornar realidade o sonho da fotógrafa, entre elas Juliana Manzano, Mari Avelino, Elaine Vladia, Priscila de Souza, Ilana Albuquerque, Juliska Azevedo,Renara Rocha, Lígia Galvão, Vanessa Campos e Simone Silva.

 

  • IMG_8992
  • IMG_8996
  • IMG_8997
  • IMG_8998
  • IMG_9002
  • IMG_9010
  • IMG_9013
  • IMG_9017
  • IMG_9021
  • IMG_9024
  • IMG_9027
  • IMG_9028
  • IMG_9031
  • IMG_9034
  • IMG_9035
  • IMG_9038
  • IMG_9040
  • IMG_9041
  • IMG_9045
  • IMG_9048
  • IMG_9051
  • IMG_9052
  • IMG_9053
  • IMG_9055
  • IMG_9064
  • IMG_9066
  • IMG_9069
  • IMG_9074
  • IMG_9075
  • IMG_9080
  • IMG_9082
  • IMG_9083
  • IMG_9096
  • IMG_9106
  • IMG_9114
  • IMG_9129
  • IMG_9142
  • IMG_9148
  • IMG_9157
  • IMG_9058
  • IMG_9152
Postado às 21h08 CulturaDestaque Nenhum comentário

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

Memorial Câmara Cascudo foi recuperado e entregue à população.

O Memorial Câmara Cascudo abriu suas portas para população nesta segunda-feira (13),  seguido da exposição do artista plástico Djalma Paixão, parte da programação do Agosto de Cascudo, que comemora 120 anos de nascimento do historiador. Atualmente o Memorial está recebendo as aulas da Escola de Dança do Teatro Alberto Maranhão (EDTAM), enquanto o prédio onde funciona a Escola também passa por restauração.

Foram investidos R$ 288 mil em uma restauração completa que incluiu novas instalações hidráulicas e elétricas, novo revestimento, esquadrias e pintura do Memorial, que é administrado pela Fundação José Augusto. Os recursos do acordo de empréstimo com o Banco Mundial também possibilitaram a aquisição de novo mobiliário e equipamentos como ar-condicionado e elevadores para acessibilidade.

Postado às 23h08 CulturaDestaque Nenhum comentário

Alunos da E. M. Arnaldo Monteiro visitam Ceará Mirim. (Foto: Adrovando Claro).

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

As turmas de 4º anos A e B da E. M. Arnaldo Monteiro conheceram um pouco da história do município de Ceará Mirim dentro do projeto “Meu Estado, Meu Ambiente”, durante todo o dia do ultimo sábado(11). Conhecida como a “terra dos verdes canaviais”, Ceará-Mirim tem uma rica história de cultura e tradição deixada pelos inúmeros engenhos que remontam os tempos de ouro da cana-de-açúcar no séc. XIX. 32 alunos participaram da aula passeio, realizando caminhadas pelo centro da cidade, conhecendo as ruas com casarios históricos e os principais engenhos do lugar.

O guia e pedagogo Francisco Ferreira, que fez a apresentação do município interpretando Manoel Varella do Nascimento, o Barão de Ceará-Mirim, incorporado o personagem e o primeiro barão da época no Rio Grande do Norte, iniciou a aula com curiosidades do período colonial. O ponto de partida foi na igreja matriz Nossa Senhora da Conceição citando um histórico da cidade que foi fundada em 1643 e era conhecida como a terra do papagaio mirim, já possuindo mais de 150 engenhos na produção canavieira. Na igreja ainda conheceram a história dos santos Mártires de Uruaçu e Cunhaú, padroeiros do Estado e em seguida foram ver de perto os casarios da rua Heráclito Vilar. Após conhecerem detalhes dos casarios, os alunos seguiram à feira popular e ao mercado público em torno da praça Onofre José Soares onde também está localizado o sobrado dos Antures, sede atual da prefeitura de Ceara-Mirim. Finalizaram o roteiro no percurso dos engenhos Mucuripe, Imburanas, Trigueiro, Verde Nasce, Carnaubais e Vale Verde. No engenho Mucuripe, os alunos conheceram as instalações, maquinários e todo o processo de fabricação da rapadura a partir de uma moenda antiga de cana de açúcar, importada da Inglaterra.

Klezia Valentim, professora do 4º ano A do turno matutino, disse que a aula de campo foi combinada dentro do tema que a turma vem estudando que é conhecer um pouco da história do Estado do Rio Grande do Norte e a parte ambiental. “E aqui em Ceará Mirim onde começou a desenvolver economicamente o nosso Estado, então, essa aula comporta um pouco de tudo: do meio ambiente e da história de fundação do nosso Estado. A criança precisa também vivenciar esse momento que a teoria de sala de aula vai conduzir ao seu meio social. É exatamente para ela concretizar e conseguir aprender o conteúdo didático por completo”, explicou Klezia Valetim.

A professora do 4º ano B do turno vespertino, Gleide de França Vieira, enfatizou que a aula foi voltada para questões da história e geografia porque é o foco principal trabalhado nos biomas e na questão da Mata Atlântica no Estado. “ A aula explica o porquê de hoje nós temos tão pouco a representação da Mata Atlântica, principalmente, por causa do desmatamento. Também a questão social como no passado do Rio Grande do Norte, teve esse episódio tão negro na história que foi o período da escravidão ainda alcançando o trabalho nos engenhos de Ceará-Mirim. Então essas questões elas entram na sala de aula como um debate para que nós possamos refletir sobre essa situação”, disse Gleide Vieira.

A aluna Maria Helena Fidelis da Rocha, do 4º ano A, disse que gostou do passeio por ter conhecido uma das maiores igrejas do Rio Grande do Norte e também apreciou muito o percurso na feira que tinha vários produtos como frutas, roupas e utilidades domesticas. Já a aluna Maria Flor Silva Alves, do 4º ano A, comentou que não sabia que a feira de Ceará Mirim no período colonial vendia escravos. E gostou bastante da visita ao engenho Mucuripe onde provou a garapa de cana-de-açúcar.

Em sala de aula, o projeto vai apresentar os relatos dos alunos com a vivência junto ao conteúdo avaliativo e a experiência das aulas passeios. Os alunos vão repassar todos esses conhecimentos para toda a escola num momento semanal de acolhida.

Fotos: Adrovando Claro

  • DSC_0938
  • DSC_1041
  • DSC_1084
  • DSC_1097
  • DSC_1099
Postado às 22h08 CulturaPlantão Nenhum comentário

Apesar de ter um programa diário, a apresentadora, o maior salário feminino da Rede Globo, ganha apenas a metade do que Fausto Silva.

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

Apesar de ter um programa diário apinhado de anunciantes e merchandising, Fátima Bernardes, o maior salário feminino da Rede Globo, ganha apenas a metade do que Fausto Silva, responsável pelo Domingão do Faustão. A informação é do colunista Ricardo Feltrin, do UOL.

Em setembro, a apresentadora do Encontro, de 55 anos de idade, teria faturado na Rede Globo, entre salário e ganhos publicitários, cerca de 2 milhões de reais. Além dos inúmeros merchandising eventuais, Fátima também é a garota-propaganda fixa da Natura, por exemplo, de uma rede de ensino gigantesca e também é parceira de uma linha de bijuterias de luxo. Todos são anunciantes da atração matinal da emissora carioca.

Fausto Silva, que apresenta o Domingão do Faustão apenas uma vez por semana, aos domingos, faturou também no mês de setembro o dobro de Fática, cerca de 4 milhões de reais entre salário e ganhos publicitários. Nestes valores estão excluídos ganhos com propagandas individuais externas.

A coluna destaca algumas justificativas para os valores mais baixos: o Encontro é na faixa da manhã, que é a segunda mais “barata” para os anunciantes — a madrugada é a primeira. Já Fausto Silva trabalha no dia e na faixa mais valorizada pelo mercado publicitários: domingos à noite. Uma única propaganda feita pelo apresentador pode custar até 20 vezes mais que o anuncio feito por Fátima. O mesmo vale para os intervalos comerciais.

No “ranking” salarial da Rede Globo, Fausto lidera com 4 milhões de reais e Fátima aparece em segundo lugar, com 2 milhões mensais. Ana Maria Braga, do Mais Você, ocupa a terceira posição com 1,6 milhão e Luciano Huck garante 1,2 milhão por mês. Galvão Bueno ganha um salário de 1 milhão de reais e William Bonner, ex-marido da apresentadora do Encontro, ganha 800 000. Os valores renderam repercussão nas redes sociais.

Fonte: VEJA

Postado às 10h08 CulturaPlantão Nenhum comentário

Estação dos Contos é atração de hoje do Agosto de Cascudo na Cidade da Criança.

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

Com direção de Rogério Ferraz, “Estação dos Contos” é um espetáculo de contação de histórias intercaladas com músicas e brincadeiras populares, contadas e cantadas pelos atores Caio Padilha, Nara Kelly e Manu Azevedo. A pesquisa em contação de histórias é uma marca do grupo Estação de Teatro que traz como experiência o
espetáculo Fábulas (grupo Clowns de Shakespeare), que tanto na criação do espetáculo quanto na atuação participaram Nara Kelly e Rogério Ferraz (ator premiado pela APCA e FEMSA/Coca-Cola). A apresentação será neste sábado, 11 de agosto, as 16h na Cidade da Criança, equipamento administrado pelo Governo do RN, através da Fundação José Augusto. A entrada custa apenas R$ 2. Crianças até 8 anos e adultos acima de 60 anos não pagam.

Postado às 18h08 CulturaPlantão Nenhum comentário

Agosto de Cascudo tem programação cultural na Cidade da Criança em Natal

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

Neste sábado e domingo a programação do AGOSTO DE CASCUDO vai invadir a Cidade da Criança. Uma vasta programação espera por você e sua família com o melhor da cultura popular para homenagear os 120 anos de nascimento do mestre Câmara Cascudo. Contamos com sua presença. #GovernodoRN #FundacaoJoseAugusto #120anosCamaraCascudo

Página 1 de 4412345...102030...Última »