Marca Maxmeio

Postado às 11h09 CulturaDestaque Nenhum comentário

Montagem carioca de “Borderline” monólogo de Júnior Dalberto reestreia em Natal com curta temporada no Teatro de Cultura Popular, dias 13 e 14 de setembro.

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

Bipolaridade, esquizofrenia, desejos, loucura e lucidez. Esses são os temas de “Borderline”, monólogo que tem direção do carioca Marcello Gonçalves, a montagem baseada no conto de Junior Dalberto é estrelada pelo ator potiguar Bruce Brandão que fará curta temporada no TCP – Teatro de Cultura Popular nos dias 13 e 14 de setembro, quinta e sexta.

Produzido pela Cia. de Arte Nova em parceria com o Produtor Marcelo Veni, o drama traz Rutras, personagem do livro O Cangaço e o Carcará Sanguinolento, posicionando-se diante de questões íntimas relacionadas à família, sociedade, mundo cibernético e sua relação com a geração dos anos 90.

O Espetáculo

A fim de investigar a tema Borderline, o espetáculo insere o espectador numa viagem de sons, sensações e variadas leituras inusitadas sobre o mundo, trabalhando sob a perspectiva de fronteira e limite, discutindo indagações históricas, sociais e culturais. Certa confusão se estabelece no direcionamento da cena, a mesma confusão que se passa com Rutras, nosso personagem que explora suas questões existenciais tão instigantes quanto à utópica realidade. Acentuando essa linha fronteiriça do discurso da personagem, o espetáculo permite ao público um olhar mais apurado sobre esse turbilhão de sentimentos típicos de quem sofre do distúrbio, colocando em cheque o limite da normalidade social explorando-os na estética da cena.

No campo da psicologia, as explosões de sentimentos, quando se apresentam de forma recorrente acentuando um comportamento intenso e persistente, produzem um padrão indicado por dificuldades de adaptação do indivíduo ao seu ambiente social.

Essa é a característica do transtorno de personalidade “borderline” que em tradução pode ser entendido por linha fronteiriça ou, ainda, região limítrofe.

Trazer o tema Borderline para o teatro é um desafio instigante quanto ao trabalho de construção da personagem, pois existe um universo intenso de emoções e direcionamentos a serem explorados.

O aspecto fronteiriço, apontado pela constante linha limítrofe nos é interessante também para a construção estética do espetáculo, uma vez que suscita a reflexão sobre onde está essa fronteira.

A fronteira ou o limite não existe sem que antes haja uma prévia relação ou pensamento estabelecido. Essa relação é uma criação do social embasado numa construção histórica.

Entender essa dinâmica e recriar territórios estéticos a fim de trabalhar numa potência limítrofe instiga a possibilidade cênica que desencadeia hibridismos, rupturas, reconstruções e rizomas, trazendo-nos um espetáculo instigante e com notável valor de pesquisa cênica.

Além disso, a peça também contribui na prestação de serviço quanto ao esclarecimento do distúrbio, trazendo informação e propondo debate acerca de uma doença que ainda é pouco conhecida e marginalizada pela sociedade.

Sinopse do espetáculo

BORDERLINE é um mergulho no criativo e no fazer inventivo. Com uma linguagem afiada, rica, contemporânea e muitas vezes atemporal, o espetáculo apresenta com maestria as idiossincrasias humanas através das indagações de um “border”. Rutras, um homem de nome incomum e com um sorriso confiante fala sobre sua história.

Rutras narra seus amores. Rutras fala de seus desamores, de suas vitórias e de suas quase vitórias. Rutras vai e volta sem deslocar-se do espaço fronteiriço de suas emoções. Alternando questões características de sua real personalidade com seu outro EU, o personagem vivido por Bruce Brandão é acompanhando nessa narrativa por elementos metafísicos; seu mundo pequeno e limitado, com apenas uma cadeira e mesa. Dono de uma memória excepcional, como geralmente são os borders, Rutras rompe a quarta parede do palco onde a luz complementa todo o clima dessa composição.

Para o crítico da APTR, Gilberto Bartholo, o espetáculo foi uma das melhores surpresas em TEATRO, dos últimos tempos.

“O desafio de dirigir proposto pelo ator Bruce Brandão, me acendeu em algo que é inerente a todos nós, homens da arte: a necessidade e o comprometimento de levar aos palcos uma obra singular e plural. Suponho que aonde quer que eu vá, levarei comigo os ventos das mudanças, eu estou na onda, no ritmo, marchando nele. O registro, a interpretação, a produção e a direção.” Marcello Gonçalves.

Para o ator Bruce Brandão, as leituras sobre o tema Borderline foram fruto do contato com o autor Junior Dalberto em Natal. Encantado com esse universo, fez suas pesquisas e se familiarizou com o tema.

“No início eu pensava em visitar clínicas psiquiátricas, entrar em manicômios, mas percebi que o ”manicômio” estava dentro de cada indivíduo. O entendimento sobre o transtorno Borderline me fez galgar outros degraus: É o jeito de ser. Quem já não teve medo de rejeição, impulsividade, ciúmes, sensação de abandono? Porém quando se trata de um Border, o olhar é outro. Tudo tem intensidade! Olhar poeticamente a doença é mergulhar no desconhecido.”

Sobre a Cia. de Arte Nova

A Cia. nasce do encontro entre os atores Marcello Gonçalves e Bruce Brandão, com a necessidade de gerar cultura, arte e o comprometimento com o trabalho de pesquisa, para criar novas formas de se pensar o teatro. Fomentando uma nova economia de gestão e transmissão de conhecimento, a Cia. criada em julho de 2014 pretende ser um centro integrado de arte onde os atores e as equipes formam e constroem um novo olhar sobre o teatro. A Cia estreia ”O Senador”, baseada na obra de Victor Hugo dia 6 de agosto, também no Ziembinski.

O Ator

 Bruce Brandão é ator potiguar. No Rio de Janeiro, em 2015 estreou o monólogo Borderline, a temporada do espetáculo resultou em boas críticas e abriu as portas para outros convites para televisão, cinema e trabalhos publicitários.

Atualmente integra o elenco das Séries: Procurando Casseta e Planeta (Multishow), 01 contra Todos (Fox), Sob Pressão (Rede Globo), Detetive do Prédio Azul (Globo) e em uma nova série da HBO.  Atuou nos filmes “Intervenção” e “O Palestrante Motivacional” e também no próximo longa sobre a vida de Divaldo Franco. Na novela ‘’O Tempo Não Para’’( Rede Globo) faz o personagem, Maciel (um cinegrafista).

Borderline

Reestreia em Natal: 13 e 14 de setembro de 2018

Local: Teatro De Cultura popular – TCP

Endereço: Rua Jundiaí, 641, anexo ao Prédio da FJA

Horário: Quinta e Sexta-feira – 20h

Preço: R$ 40,00 (Inteira) R$ 20,00 (Meia)

Duração: 55 min.

Classificação: 16 anos

Gênero: Drama

Produção: 9 8790 1373

Postado às 23h09 CulturaDestaque Nenhum comentário

Cidade da Criança tem programação para o final de semana no Feriado da Independência.

Redação/Portal de Notícias e Fotojornalismo/eliasjornalista.com

Uma das áreas verdes mais bonitas de Natal, a Cidade da Criança tem suas instalações voltadas, principalmente, para o público infantil. O parque localizado no bairro Tirol, no coração de Natal, foi fundado em 1962 e abre terça a domingo, e sempre aos domingos e feriados apresenta opções de programação direcionada para a família natalense.

Administrado pela Fundação José Augusto, no espaço estão um parque infantil, pista de cooper, Lagoa Manoel Felipe, pedalinhos, igrejinha, anfiteatro, Escola de Artes Newton Navarro, Biblioteca Infanto-juvenil Mirian Coeli, Museu Taxidérmico, Casa de Vozinha, Espaço Eureka, entre outros.

A Lagoa Manoel Felipe é um dos atrativos que chama atenção pela beleza. O espaço recebeu projeto paisagístico, de acessibilidade e a Estação de Embarque Luís Romão, em que pais e filhos poderão se aventurar nos tradicionais pedalinhos com segurança e tranquilidade. O serviço está terceirizado.

Outro importante espaço que complementa a cena teatral do estado é o Anfiteatro Lenício Queiroga. O ambiente tem capacidade para 600 pessoas e dispõe ainda de dois camarins e iluminação.

Delícias

A Cidade da Criança dispõe de quiosques terceirizados que ofereceram uma variedade de guloseimas para a meninada. Entre as delícias que podem ser apreciadas estão sorvetes, churros, pastéis, caldo de cana, crepes, pipoca, algodão-doce e muito mais.

Serviço

O horário de funcionamento da Cidade da Criança é de terça a domingo, das 6h às 18h. A pista de caminhada está disponível a partir das 6h da manhã.
A entrada do parque custa apenas R$ 2,00 e crianças até 8 anos e maiores de 60 anos não pagam. Nas terças-feiras, o acesso é gratuito e de quarta a sexta-feira, o ingresso custa apenas R$ 1,00, exceto em feriados e dias de programação especial.

Programação 07 a 09 de setembro:
Sexta-feira (07.09):
16h: Banda de Percussão Antônio Fagundes e Ana Celina (contadora de história)
Domingo (09.09):
16h: Banda de Fanfarra Zila Mamede e Ana Celina (contadora de histórias)

Postado às 12h09 CulturaDestaque Nenhum comentário

Após lançamento, o livro Escritos da Alma, continua a venda .

Redação/Portal de Notícias e Fotojornalismo/eliasjornalista.com

Após o lançamento de “Escritos da Alma”, do  escritor e jornalista Flávio Rezende, no dia 1º de setembro no pé do Morro do Careca, num  cenário natural e inusitado, palco escolhido para autografar sua 26ª obra literária, o livro continua à venda.

Como fazer para comprar o livro “Escritos da Alma”

Almas boas como os autores locais não encontram mais um ambiente legal nas livrarias, com seus livros ocupando posições secundárias e tendo um trabalho danado para receber os pagamentos, além de taxas altas de comissionamento, os escritores estão buscando lançar suas obras em ambientes diferentes, como fiz domingo no pé do Morro do Careca, e buscando outras formas de venda.
Vou colocar os livros em alguns locais, mas o atraso na entrega de displays me faz utilizar uma outra forma, até resolver esse problema.
É o Delivery Book, ou entrega de livros em casa, então se tiver interesse o atual livro custa R$ 30,00, passe seu endereço pelo zap 999020092 e deposite em uma dessas contas o valor, que vou lá deixar. Desde já grato e luzzzz
BB – Conta 24002-8 – agência 1668-3 – Conta corrente
CEF – conta 801304-2 – agência – 0759 – Operação 001
Flávio Leite Dantas de Rezende – CPF 307.450.714-49
Gratidão geral.

Postado às 07h09 CulturaDestaque Nenhum comentário

Programação educativa do “Setembro Cidadão” tem início neste sábado(1º).

Redação/Portal de Notícias e Fotojornalismo/eliasjornalista.com

O Rio Grande do Norte, definido por lei complementar (494/2013) como o estado cidadão do Brasil, conta a partir deste sábado com 30 dias dedicados à promoção de uma série de atividades ligadas à educação e cidadania, com a finalidade de levar a crianças e adultos a consciência dos seus direitos e deveres e os meios para participarem mais ativamente dos rumos da cidade, do estado e do país.

Batizado como Setembro Cidadão, o mês da cidadania é um dos projetos do Programa Brasileiro de Educação Cidadã (PROBEC), idealizado e dirigido pelo juiz Jarbas Bezerra e pela advogada Lígia Limeira, que visa despertar o país para a educação cidadã.

“Educar com cidadania é fazer com que não só a sociedade, mas as escolas, passem a tratar do assunto em seus currículos. E o programa brasileiro de educação cidadã, seja no campo social ou nas instituições publicas ou privadas, visa a paz social. No momento que você tem uma sociedade em que todas as pessoas exercem sua cidadania, você tem a paz social”, explica Jarbas Bezerra.

Diante desse objetivo, o mês de setembro é o momento de reunir o maior número de ações de envolvimento da sociedade no despertar para a cidadania. “Este mês serve para avivar esse sentimento, que não tem nada a ver com o sentimento nacionalista do regime militar, com a volta da educação moral e cívica nas escolas. Não é isso. Tem a ver sim com ética, cidadania, com o regime democrático de direito”, esclarece o diretor do PROBEC.

Um dos pontos altos da programação será o desfile cívico de 7 de setembro, a ser realizado na Praça Cívica, com a participação de 10 escolas da rede estadual. Mas a programação do Setembro Cidadão incluirá ainda a capacitação de professores, a exposição de um Memorial da História do RN e um encontro que debaterá a Segurança Pública.

Confira abaixo a programação completa:

 

PROGRAMAÇÃO – SETEMBRO CIDADÃO

01/09 – Sábado

8h – Abertura Oficial do Setembro Cidadão – ações de cidadania

Escola Municipal Professora Jacira Medeiros (Rua Santa Cássia, 34 – Nova Esperança) em Parnamirim

 

05/09 – Quarta-feira

15h – Desfile do 7 de setembro em Parnamirim

Tema “Parnamirim 60 anos: Trampolim da Cidadania”

 

07/09 – Sexta-feira

8h – Desfile oficial do 7 de setembro em Natal

Os mascotes do Setembro Cidadão, Edu e Cidinha, vão abrir o desfile dos militares e escolas.

 

09/09 – Domingo

15h – Ações de Cidadania para crianças, na Cidade da Criança, em Natal

Os mascotes Edu e Cidinha vão animar os pequenos na Cidade da Criança, que terá também contações de histórias, apresentações teatrais, entre outras atividades.

 

10/09 – Segunda-feira

Ações em escolas, durante todo o dia, em celebração ao Dia Estadual da Educação Cidadão no RN (Lei 494/2013)

 

13/09 – Quinta-feira

8h e 14h – Capacitação de 120 professores da Rede Municipal de ensino de Parnamirim, município parceiro do PROBEC.

O curso é feito em 8 horas/aula, ministradas pelo juiz Jarbas Bezerra, doutorando em Educação pela UFRN, e inclui temas como o histórico da Educação Cidadã e o projeto pedagógico para a utilização do material didático Cidadania AZ.

 

16/09 – Domingo

15h – Ações de Cidadania para crianças, na Cidade da Criança, em Natal

Os mascotes Edu e Cidinha vão animar os pequenos na Cidade da Criança, que terá também contações de histórias, apresentações teatrais, entre outras atividades.

 

16h às 22h – Abertura do Memorial da História do RN, que funcionará até 30 de setembro.

O memorial é uma iniciativa do PROBEC em parceria com a Assembleia Legislativa. Serão expostas peças históricas que apresentam a história do RN nas eleições – urnas de votação (desde o império) e também peças do acervo do Instituto Histórico e Geográfico do RN. Local: Natal Shopping, em Natal

 

21/09 – Sexta-feira

19h – Abertura do I Encontro sobre Segurança Pública, Sistema Penitenciário e Cidadania

Iniciativa do PROBEC que visa reunir autoridades da Segurança Pública para apresentarem à sociedade as principais ações que estão sendo realizadas na segurança do Estado.

Local: Escola de Governo, Centro Administrativo do Governo do RN

 

22/09 – Sábado

8h – I Encontro sobre Segurança Pública, Sistema Penitenciário e Cidadania

Local: Escola de Governo, Centro Administrativo do Governo do RN

 

23/09 – Domingo

15h – Ações de Cidadania para crianças, na Cidade da Criança, em Natal

Os mascotes Edu e Cidinha vão animar os pequenos na Cidade da Criança, que terá também contações de histórias, apresentações teatrais, entre outras atividades.

 

25/09 – Terça-feira

8h – Encontro do Proler

Local: Secretaria Estadual de Educação e Cultura, Centro Administrativo do Governo do RN

 

30/09 – Domingo

15h – Ações de Cidadania para crianças, na Cidade da Criança, em Natal

Os mascotes Edu e Cidinha vão animar os pequenos na Cidade da Criança, que terá também contações de histórias, apresentações teatrais, entre outras atividades.

Postado às 18h08 CulturaDestaque Nenhum comentário

Normas e práticas da Propaganda são abordadas na Quinta Jurídica por especialista nacional.

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

“Propaganda é coisa séria. Obedece a normas e não depende só da agência, mas do tripé: agência, anunciante e veículo. A agência é quem corre os riscos do negócio”. A explanação, referente ao contexto das licitações de verba pública de propaganda, foi feita pela diretora jurídica da Federação Nacional das Agências de Propaganda (Fenapro), Helena Zoia, em sua participação, na noite de ontem (30), da Quinta Jurídica, no auditório da Justiça Federal do RN.

O evento debateu Inovação, Comunicação e Tecnologia e foi realizado – pela primeira vez – em parceria com o Sindicato das Agências de Propaganda (Sinapro/RN).

Helena Zoia falou ao público, formado pelo meio jurídico e publicitário, sobre os pontos de união entre esses dois universos. “Vim falar de propaganda para os advogados e de direito para os publicitários”, explicou. Ela fez uma exposição das normas que regem a propaganda, a licença criativa e comentou comerciais que marcaram época. “Agência não é esse bicho de 7 cabeças que se fala por aí. É preciso entender a natureza do negócio”, declarou.

A diretora jurídica explicou como se dá a participação das agências nas verbas publicitárias – demonstrando a parte que cabe aos veículos e também aos fornecedores – e como são geridos os contratos com órgãos públicos.

“Vamos encarar a atividade publicitária apenas como uma atividade diferente. Ela é séria e exige tanto de quem a ela se dedica como as demais. Com uma diferença, não temos hora para sair nem para entrar”, declarou Helena Zoia, referindo-se à dedicação exigida aos publicitários.

Com uma demonstração em números, a diretora jurídica da Fenapro mostrou quanto fica com as agências dos valores dos contratos públicos. “Parte da remuneração das agências volta aos cofres públicos, via tributos. A menor parte da verba pública de mídia é das agências, ou seja, 20% e o restante é dos veículos. No entanto, nós somos as contratadas e respondemos pelo todo do contrato”, comentou, apresentando que, a cada mil reais pago a uma agência, por exemplo, pelo menos R$ 160 são de impostos.

Atividade com regulamentação própria

A Quinta Jurídica contou ainda com a palestra da advogada Amanda Lima, sobre tecnologia, inteligência artificial e blockchain, e foi mediada pelo juiz federal Carlos Wagner e pelo presidente do Sinapro/RN, João Daniel Vale.

Para o presidente do Sinapro, o evento trouxe esclarecimentos importantes acerca da atividade publicitária. “O evento uniu dois universos aparentemente tão distantes, mas com vários interesses comuns. Dra Helena Zoia representou com maestria essa intersecção entre os dois mundos, com suas décadas de experiência”, disse.

O sócio-diretor da RAF Propaganda, Rogério Nuremberg, destacou que a palestra de Dra. Helena Zoia tem uma importância fundamental para esclarecer ao meio jurídico como funciona o universo da publicidade, com sua regulamentação própria. “A atividade publicitária do RN tem sido a Geni da música de Chico Buarque. Por causa da ignorância – e falo no sentido literal da palavra – sobre como funciona a atividade. É a única que tem uma lei própria para licitação. Nós que fazemos as agências temos sido atacados por acusações que são totalmente fora da realidade da própria lei, bastando uma leitura dela para os devidos esclarecimentos”, contextualizou.

Postado às 10h08 CulturaDestaque Nenhum comentário

Fotógrafa potiguar apresenta revista em evento do Google em João Pessoa.

Redação/Portal de Notícias e fotojornalismo/eliasjornalista.com

Kalina Veloso, fotógrafa e diretora da revista Elas por Ela, junto à equipe e criação da agência Ciranda, participaram na manhã desta quarta-feira (29), do evento “Women Will”, que faz parte do programa de treinamento “Cresça com o Google”, do Google Brasil. O evento aconteceu no Centro de Convenções em João Pessoa (PB), reunindo centenas de mulheres paraibanas, além de representantes de estados vizinhos.

Kalina foi convidada pela equipe do Google para apresentar e referendar a temática do empreendedorismo feminino, fruto de sua participação no evento, acontecido no mês de junho em terras potiguares. Características como motivação e garra foram alguns dos elementos extraídos do treinamento Women Will, segundo a fotógrafa.

“Após a minha participação no treinamento pude crescer, que fato, como mulher e como profissional e tirar do papel um dos maiores projetos da minha vida. Elas por Ela não é apenas um revista, é num projeto inovador. Nossa meta é ampliar histórias do universo feminino por todo o Brasil”, disse Kalina Veloso.

Postado às 10h08 CulturaDestaque Nenhum comentário

Setembro Cidadão é tema de evento sobre educação e leitura promovido pelo Proler, Probec e Secretaria de Educação. (Foto: Marlio Forte). 

Redação/Portal de Notícias e fotojornalismo/eliasjornalista.com

Tiveram início hoje as atividades relacionadas ao Setembro Cidadão no âmbito da educação e leitura, um dos principais pilares da cidadania. Nesta quarta (29), foi realizado o quinto módulo do Programa Nacional de Incentivo à Leitura (Proler) com o tema “Setembro Cidadão – Educação e Leitura: o papel da biblioteca na formação para a Cidadania”, resultado de uma parceria do Programa Brasileiro de Educação Cidadã (PROBEC) com o Governo do Estado, através da Secretaria de Educação.

A programação contou com as palestras “O programa brasileiro de educação e cidadania: por uma escola cidadã”, ministrada pelo juiz Jarbas Bezerra, e “Leitura e cidadania”, proferida pela professora Salizete Freire. “A parceria entre a SEEC e o Probec se renova neste ano para realizamos a discussão cada vez mais ampla da cidadania com educadores em todo o Rio Grande do Norte”, pontuou Jarbas Bezerra, fundador do Probec e idealizador do Setembro Cidadão.

O evento aconteceu no Auditório Angélica Moura, localizado no térreo da Secretaria de Educação e contou com a presença de educadores, regentes de bibliotecas, mediadores de leitura e técnicos da secretaria

A abertura foi marcada pela apresentação da Fanfarra com os alunos da Escola Estadual Judith Bezerra, seguida da contação de história com a poetisa Dorinha Timóteo, professora da Escola Estadual Josino Macêdo. “O Setembro Cidadão já faz parte do calendário das escolas da rede estadual por ser um momento onde podemos discutir a importância das práticas cidadãs no cotidiano da escola, permitindo que os alunos levem os valores de cidadania discutidos para a sua própria vida”, disse o Coordenador da Comissão do Setembro de Cidadão, João Maria Mendonça.

Setembro Cidadão

Por meio da Lei Complementar 494/2013, o mês de setembro como o mês da educação cidadã no Rio Grande do Norte, denominado esse período de Setembro Cidadão. Ao longo desse período a secretaria, em parceria com o PROBEC, promoverá ações cidadãs, como apresentações culturais e palestras sobre educação.

Um dos pontos altos da programação será o desfile cívico de 7 de setembro, a ser realizado na Praça Cívica, com a participação de 10 escolas da rede estadual.  Atuam também como parceiros do programa as Secretaria de Estado da Tributação (SET), da Assistência Social (Sethas), do Turismo (Seturn), da Administração e Recursos Humanos (Searh); Datanorte, Instituto das Águas (Igarn), Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte (FIERN), Faculdade Natalense de Ensino e Cultura (Fanec), Universidade Potiguar (UnP), UNI –RN, Polícia Civil, Cruz Vermelha, Senac, Corpo de Bombeiros, Marinha e Exército Brasileiro.

Postado às 08h08 CulturaDestaque Nenhum comentário

Escritor e jornalista Flávio Rezende lança Escritos da Alma no pé do Morro do Careca.

Redação/Portal de Notícias e fotojornalismo/eliasjornalista.com

O escritor e jornalista Flávio Rezende marcou para o próximo dia 2 de setembro, no pé do Morro do Careca, das 10h30 às 13h, o lançamento do seu 27º livro: Escritos da Alma.

O livro reúne seus “escritos” produzidos a partir de viagens, observações e constatações das cenas cotidianas, com destaque para as caminhadas dominicais em Ponta Negra, daí o escritor ter escolhido o pé do Morro do Careca para lançar a obra.

Os “escritos” estão divididos no livro em 81 crônicas, ocupando dois capítulos, destinando o terceiro capítulo para dois textos infantis, devidamente ilustrados por sua filha Mel Browne Kalki de Rezende, que vem tendo participação nas últimas obras do autor.

O livro foi editado na Offset Gráfica e Editora, tendo foto de capa de Canindé Soares, editoração de Victor Hugo Rocha Silva e revisão de Karla Geane de Oliveira.

Para viabilizar sua publicação, Rezende utilizou o sistema de venda antecipada através de um aplicativo e de divulgação pessoal, além de contar com o apoio de algumas empresas como a Construtora Hazbun, Caio Fernandes Imobiliária, Fecomércio RN, Uniodonto, Incor, FNF, Miranda Computação, Suprema Negócios e André Elali Advogados.

Flávio Rezende tem vasta obra, com variedade de estilos e formas, com incursões nas prosas esotéricas, livros infantis, poesias, contos, crônicas, apresentando livros redondos, piramidais, e inovando ainda na maneira de lançar, já o tendo feito debaixo de pirâmides, disco voador e com roupas estilizadas e temáticas.

O escritor já trabalhou em diversos veículos de comunicação do Rio Grande do Norte e de outros estados, com destaque para passagens em televisões, jornais e revistas, sendo atualmente coordenador de Comunicação do Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes da UFRN e colunista de opinião do jornal Agora RN, alimentando ainda um blog pessoal com assuntos diversos e seus “escritos”, no www.blogflaviorezende.com.br.

Neste lançamento, escolheu o Morro do Careca e a luz do dia, por escrever boa parte da obra a partir de caminhadas feitas em Ponta Negra, na parte da manhã. O livro será vendido por R$ 30,00 e outros lançamentos deverão ocorrer na sequência.

Mais informações pelo fone/zap 84 – 9.9902-0092 ou pelo email: jornalistaflaviorezende@gmail.com.

Postado às 09h08 CulturaDestaque Nenhum comentário

Arena multiuso, construída para a Copa 2014, movimenta a economia do Estado como local dos principais eventos realizados em Natal; a feira multimercado acontece entre os dias 31 de agosto e 9 de setembro, paralelo à Feira do Livro.

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

O evento cresceu muito desde 2014, quando ainda era realizado no Centro de Convenções, e foi obrigado a se mudar para um local que oferecesse maior estrutura, segurança e conforto. Em 2015, a Multifeira ‘Brasil Mostra Brasil’ instalou-se na Arena das Dunas e de lá para cá não parou de crescer. Em relação ao ano passado, a feira foi ampliada em 10%, chegando a 11 mil metros quadrados este ano, segundo informou Wilson Martinez, diretor da ‘Brasil Mostra Brasil’. A 24ª edição começa nesta sexta-feira (31) e segue até o dia 9 de setembro com a expectativa de receber cerca de 100 mil pessoas.

Com o objetivo de contar sempre com a colaboração do mercado local, Wilson Martinez aproveitou a ampliação do espaço físico para aumentar o número de parceiros. Segundo ele, serão 350 expositores nesta edição de 2018. “A nossa ideia é ampliar o número de parceiros com foco no empresário local”, confirmou Wilson Martinez.

Feira do Livro
Paralelo ao evento, este ano será realizada a 8ª edição da Feira de Livros e Quadrinhos de Natal – FLiQ, com 100 horas de atividades culturais gratuitas para o público, entre oficinas, palestras, lançamentos de livros, cordel, quadrinhos, games, robótica, entre outra ações. “É um evento para toda a família”, afirmou Osni Damásio, um dos organizadores da FLiQ. “Contaremos com muitos autores locais, o que é muito importante para o incentivo da literatura potiguar”, acrescentou Rilder Medeiros, também organizador da FLiQ.

Arena Multiuso
A Multifeira ‘Brasil Mostra Brasil’ e a FLiQ apenas confirmam a vocação da Arena das Dunas como indutora da economia potiguar. Além das feiras, a arena multiuso já entrou na rota de grandes shows internacionais, com a presença confirmada no MADA da banda escocesa Franz Ferdinand. A arena reserva um espaço empresarial, com a inauguração da Arena Office, que transformou camarotes em escritórios e salas comerciais; sedia eventos corporativos de vários segmentos da economia, Fórum Negócios, Villa Mix e Carnatal, além de atrações periódicas como parques de diversão e circos.

No esporte, o estádio que foi palco de 4 jogos da Copa do Mundo de 2014 atende à modalidades além do futebol como: kart, futebol americano, beach handebol, beach tennis, corrida de rua e crossfit. Este ano criou, em parceria com assessorias esportivas, o ‘Treinamento Arena’, uma atividade semanal que funciona na praça externa da arena. E aos domingo realiza um evento – Domingo na Arena – para toda família, com atrações variadas (música, teatro, esporte, dança), principalmente, para a criançada, e com direito a praça de alimentação.

Postado às 15h08 CulturaDestaque Nenhum comentário

Morro do Careca será palco do lançamento do livro Escritos da Alma do jornalista Flávio Rezende.

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

Num cenário natural e inusitado para um lançamento de livro, o escritor e jornalista Flávio Rezende elegeu o pé do Morro do Careca, para autografar sua 26º obra literária, intitulada Escritos da Alma, Dia 02 de setembro de 2018,  ficando no local das 10h30 às 13h, com algumas manifestações culturais ocorrendo simultaneamente.

O livro que será vendido ao preço de R$ 30,00, reúne seus “escritos” produzidos a partir de viagens, observações e constatações das cenas cotidianas, com destaque para as caminhadas dominicais em Ponta Negra, daí o escritor ter escolhido o pé do Morro do Careca para lançar a obra.

Os “escritos” estão divididos no livro em 81 crônicas, ocupando dois capítulos, destinando o terceiro capítulo para dois textos infantis, devidamente ilustrados por sua filha Mel Browne Kalki de Rezende, que vem tendo participação nas últimas obras do autor.

O livro foi editado na Offset Gráfica e Editora, tendo foto de capa de Canindé Soares, editoração de Victor Hugo Rocha Silva e revisão de Karla Geane de Oliveira.

Flávio Rezende tem vasta obra, com variedade de estilos e formas, com incursões nas prosas esotéricas, livros infantis, poesias, contos, crônicas, apresentando livros redondos, piramidais, e inovando ainda na maneira de lançar, já o tendo feito debaixo de pirâmides, disco voador e com roupas estilizadas e temáticas.

O escritor já trabalhou em diversos veículos de comunicação do Rio Grande do Norte e de outros estados, com destaque para passagens em televisões, jornais e revistas, sendo atualmente coordenador de Comunicação do Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes da UFRN e colunista de opinião do jornal Agora RN, alimentando ainda um blog pessoal com assuntos diversos e seus “escritos”, no www.blogflaviorezende.com.br.

Mais informações pelo fone/zap 84 – 9.9902-0092 ou pelo email: jornalistaflaviorezende@gmail.com.

Página 4 de 49« Primeira...23456...102030...Última »