Marca Maxmeio

Postado às 19h04 DestaqueTurismo Nenhum comentário

Rafael Motta é eleito presidente da Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados. (Foto: Chico Ferreira).

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

O deputado federal Rafael Motta (PSB) foi eleito presidente da Comissão de Turismo (CTUR) da Câmara dos Deputados em eleição realizada nesta quarta-feira (4). O parlamentar é o primeiro potiguar a presidir essa comissão permanente da Casa.

A CTUR tem por objetivo ajudar o Brasil a conquistar efetivamente a posição de grande destino turístico mundial, bem como de potencializar o seu turismo interno.

Rafael Motta vê a eleição para a presidência como “mais uma missão”, a qual assume “com muita honra e responsabilidade”.  “Vamos buscar o debate de boas ideias para desenvolver ainda mais o turismo do nosso Brasil, ressaltando os atrativos do Nordeste e, claro, do Rio Grande do Norte”, disse ele.

O parlamentar destacou a importância da comissão, apontando o turismo uma das soluções para o enfrentamento da crise econômica que ainda assola o país. “Fico feliz por estar à frente desta comissão, sobretudo por ser do Rio Grande do Norte, um estado que tem no turismo um dos carros-chefe de sua economia. Quero agradecer a todos os servidores. O turismo é uma das alternativas para o país sair desta crise. Faço parte desta comissão há três anos consecutivos e agora assumo sua presidência, o que para mim é uma alegria enorme”, afirmou o deputado.

A Comissão tem assento no Conselho Nacional de Turismo, do Ministério do Turismo, e já levou ao debate parlamentar temas que afetam diretamente a indústria do turismo no Brasil, como por exemplo a aprovação de projetos de lei que buscam a expansão do turismo e de sua infraestrutura e a realização de audiências públicas que esclarecem a visão geral do turismo no país.

A escolha foi feita pelos deputados membros da Comissão, da qual Rafael participa desde o primeiro ano de mandato na Câmara Federal. Além da CTUR, o deputado potiguar também é membro das titular da Comissão de Minas e Energia, e suplente da Comissão de Educação da Casa Legislativa.

 

Postado às 20h03 DestaqueTurismo Nenhum comentário

Durante feira, Robinson Faria destaca investimentos e fortalecimento do turismo no RN. (Foto: IVanízio Ramos).

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

O governador Robinson Faria participou na tarde desta sexta-feira (23) do maior evento do turismo potiguar: a 4ª Feira de Municípios e Produtos Turísticos do RN (Femptur) e o 9º Fórum de Turismo do RN. Ambos acontecem, simultaneamente, nesta sexta (23) e sábado (24), no Centro de Convenções de Natal.

O chefe do Executivo potiguar percorreu a feira visitando os stands dos municípios, empresas e artesãos. Na ocasião, ele comentou sobre a importância da Feria. “A Femptur é uma parceria do Governo com os municípios. Ela corrobora com o objetivo do Estado para o segmento, que é o de descentralizar o turismo da capital para as outras cidades. A ideia é que o turista venha a Natal, mas prestigie também o interior do nosso estado”, destacou.

Na Femptur estão expostos 116 estandes, sendo um do Governo, para divulgar os destinos do estado, 30 de municípios potiguares e os demais da rede hoteleira, empresas de passeio, agências de receptivo, meios de hospedagem e aplicativos turísticos, além de espaços específicos destinados à cultura, shows musicais e teatrais, artesanato, agricultura familiar, gastronomia e exposições diversas.

Robinson Faria também ressaltou alguns investimentos que o Governo fez em prol do Turismo. Entre eles está a reforma do Centro de Convenções, que irá duplicar a capacidade de seis mil para 12 mil pessoas e, com isso, permitir a atração de grandes eventos empresariais. “Não existe turismo sem investimento, nem investimento sem retorno. E investir no turismo é impulsionar a economia, com emprego e renda para a população”, completou ao dizer que hoje o RN é o terceiro destino mais procurado no turismo nacional.

Para o organizador da 4ª Femptur, Antônio Roberto, a parceria do Governo é fundamental. “Sem parceria não tem turismo. E o atual Governo, desde o primeiro ano, apoia e se engaja na iniciativa.  Isso é muito importante porque sem o apoio do poder público as ações ficam mais difíceis de serem realizadas”, disse Roberto.

O Fórum de Turismo terá oito painéis que discutirão, entre outros temas, captação de voos para Natal, novos modelos de gestão de centros de convenções, gestão de destinos turísticos internacionais, regionalização, produto turístico, impacto das festas populares na economia dos municípios, e marketing digital no turismo.

Aeroporto de Mossoró: liberado pela ANAC

Nesta sexta-feira (23), o Diário Oficial da União publicou a certificação operacional da Agência Nacional de Aviação (ANAC) para que o aeroporto de Mossoró pudesse receber voos comerciais. A liberação foi fruto de um trabalho de meses do governador Robinson Faria e investimento de R$ 2 milhões feito pelo Governo do RN.

2018: Turismo em alta

No mês de fevereiro, o Ministério do Turismo (MTur), reclassificou Tibau do Sul, cidade que abriga a praia da Pipa, com nível “A”, o que conferiu ao município o 1º lugar no ranking do turismo nacional.

Também neste ano, dados do sistema de tráfego internacional da Superintendência da Polícia Federal do RN registraram um aumento de 69,41% de turistas estrangeiros passeando em terras potiguares em janeiro de 2018, se comparado ao mesmo período do ano passado. Ao todo, foram 4.083 turistas internacionais, sendo 1.673 a mais do que em 2017.

Outro destaque foi a excelente avaliação dos turistas que passearam pela terra potiguar durante o verão deste ano. Quase 100% dos entrevistados apontou a experiência no estado como satisfatória ou muito satisfatória e cerca de 90% deles alegaram que têm intenções de voltar, segundo resultados de uma pesquisa divulgada pela Federação do Comércio, Bens, Serviços e Turismo do RN (Fecomércio/RN).

 

Postado às 22h03 DestaqueTurismo Nenhum comentário

Grupos se apresentarão no palco da Feira dos Municípios e Produtos Turísticos do RN ao longo de dois dias.

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

A quarta edição da Feira dos Municípios e Produtos Turísticos do Rio Grande do Norte (Femptur), agendada para os dias 23 e 24 de março no Centro de Convenções de Natal, contará com uma série de apresentações culturais que prometem encantar o público ao longo dos dois dias de evento. Os espetáculos acontecerão entre às 19h e às 22h e abordarão, principalmente, aspectos folclóricos do RN.

Segundo a organização da Femptur, a ideia é promover estes aspectos numa Feira que, por si só, já tem como premissa básica incentivar e promover o turismo e a cultura do estado. “Procuramos manter a identidade potiguar em todas as áreas do evento e as apresentações culturais que teremos reforça isso”, disse Antonio Roberto Rocha, um dos organizadores.

Subirá ao palco da Femptur, entre outras atrações, a Banda de Música Mestre João Roberto Paz e União, de Santa Cruz. Existente desde a década de 1950 e reconhecida como Patrimônio Histórico do município, ela é um dos principais instrumentos culturais da cidade e formada em sua maioria crianças e jovens. Como objetivo principal, busca fomentar a cultura da música instrumental no Rio Grande do Norte.

Também fará apresentação na Feira do Turismo do RN o Grupo de Dança Mistura de Ritmos, de Touros, que apresentará o espetáculo “Aqui Nasceu o Brasil”. A apresentação busca retratar fielmente a versão de que o Brasil foi descoberto no litoral potiguar. Todas as atrações turísticas de Touros são abordadas no concerto, além de uma infinidade de ritmos como makulele, forró, xaxado e colheita.

Outra atração será o Balé Popular Terras Potiguares, de Passa e Fica. Surgido em junho de 2010, o grupo apresenta como sua primeira montagem cênica as danças e brincadeiras do Pastoril. Atualmente, conta com 35 componentes que elaboram sete sequências folclóricas ao longo da apresentação envolvendo música, dança e teatro. Em suma, difunde através da arte o legado cultural deixado pelas três matrizes que formam a base do país.

A Feira dos Municípios e Produtos Turísticos do Rio Grande do Norte tem entrada e estacionamento gratuito. Os interessados em participar só precisam passar por um rápido cadastro na secretaria do evento, que tem, paralelamente a sua realização, a companhia do 9º Fórum de Turismo do RN. São esperadas mais de 5 mil pessoas nos dois dias do evento.

 

Postado às 22h03 DestaqueTurismo Nenhum comentário

Governo lança campanha turística: “Tudo Começa Aqui”. (Foto: Ivanízio Ramos).

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

É na esquina do continente, em um lugar de imensa riqueza natural, nas terras em que está fincado o Marco Colonial de Touros, que tudo inicia. Para onde o turista for, o destino dele começa aqui. Foi ressaltando esses privilégios que, em uma ação inédita, o Governo do Estado, através da Secretaria de Estado de Turismo, lançou a nova campanha turística do Rio Grande do Norte: “Tudo Começa Aqui”. O evento foi realizado na noite desta terça-feira (13) no Centro de Convenções, em Natal, com a presença do governador Robinson Faria, dos secretários de Estado Ruy Gaspar (Turismo)e Vagner Araújo (Ação Social/Governo Cidadão), de gestores públicos, representantes do trade turístico, imprensa e dirigentes de entidades representativas do turismo do RN.

O chefe do Executivo estadual destacou a realização da Campanha e a prioridade que o Governo deu para o setor. “Estamos deixando um legado para a posteridade, para o turismo que foi meta fundamental do nosso Governo, pois este é um dos segmentos que ajuda o nosso estado a crescer, gerando renda e emprego para o nosso povo. Essa campanha foi planejada com carinho para devolvermos a autoestima ao RN, restaurar o sonho, a esperança e o amor pelo nosso Rio Grande do Norte”, frisou.

Com investimento total de R$ 2,6 milhões, via recursos do programa Governo Cidadão, do Banco Mundial, a campanha “Tudo Começa aqui” integra uma das ações mais importantes do segmento turismo da história do Estado potiguar: O Plano Estratégico e de Marketing Turístico do RN. Desenvolvido através de um amplo estudo, o qual teve duração de um ano e meio, o Plano objetivou estimular a interiorização do turismo destacando as potencialidades dos cinco polos turísticos do estado, seja por meio do turismo religioso, histórico, de aventura ou gastronômico, aliando recursos de infraestrutura e planejamento promocional para o setor nos próximos 15 anos.

Ruy Gaspar lembrou que a campanha vem para expandir o mercado e o reconhecimento turístico. “Ela vai trazer uma forte revelação do RN, tanto para o Brasil, para o exterior e para nós, norte-rio-grandenses. Buscamos uma provocação histórica, teórica sobre o descobrimento do Brasil começar aqui”, afirmou sobre a inspiração temática da iniciativa.

A campanha é apresentada por meio de folders dos cinco polos turísticos – Costa das Dunas, Costa Branca, Agreste Trairí, Seridó e Serrano – de um vídeo, displays que serão alocados em aeroportos, shopping centers e estandes de feiras, além de itens promocionais, como sacolas e camisetas, que serão distribuídos nos eventos. Na ocasião, também foi apresentada a nova identidade visual que inclui um novo slogan e diretrizes gráficas que remetem ao estilo artístico do cordel e xilogravuras.

 

Postado às 22h03 DestaqueTurismo Nenhum comentário

Fórum e Feira de Turismo do RN são lançados oficialmente em Natal.

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

O lançamento oficial do 9° Fórum de Turismo e da 4ª Feira dos Municípios e Produtos Turísticos do RN (Femptur), nesta sexta-feira (9), foi um sucesso. Quase 200 pessoas entre prefeitos, deputados, secretários de turismo e profissionais do setor participaram do evento e lotaram o Salão Bossa Nova no Serhs Natal Grand Hotel.

Entre as autoridades políticas que prestigiaram o lançamento estava o governador do Estado, Robinson Faria. Em seu discurso, o chefe do Executivo destacou a importância que o Fórum e a Feira têm para o turismo no RN, sobretudo pelo poder de potencialização dos novos destinos.

“Eventos desse tipo são importantes para impulsionar o Rio Grande do Norte como destino turístico e fortalecer a parceria com os municípios para incrementar ainda mais o turismo gastronômico, religioso e de aventura. Seus papeis são fundamentais para o RN”, afirmou o governador.

Marília Dias, secretária-adjunta de Turismo de Natal, ressaltou a importância de apresentar os atrativos culturais e gastronômicos da capital potiguar ao público norte rio-grandense e turistas em visita a cidade. No estande de Natal haverá ginga com tapioca, o que denota a valorização da gastronomia regional por parte da Prefeitura.

O deputado Rafael Motta, que representou a bancada federal no evento, lembrou que o Rio Grande do Norte possui destinos ainda pouco explorados e que a Femptur, com sua temática, acaba por desempenhar a atividade de descoberta de novas potencialidades.

“Na medida em que uma Feira como essa se propaga, o turista começa a perceber a quantidade de destinos que existem na nossa terra. O RN tem muito lugar ainda pouco desbravado e a Femptur dá essa visibilidade necessária por meio de seu grande alcance”, relatou.

Além do governador e do representante da bancada federal, também participaram do evento o deputado estadual Tomba Farias (representando a Assembleia Legislativa do RN), os prefeitos de Touros (Francisco de Assis), Santa Cruz (Fernanda Costa), São Bento do Norte (Claudio Henrique), Rio do Fogo (Laerte Paiva) e Goianinha (Berg Lisboa), o secretário estadual de Turismo Ruy Gaspar, o vereador de Natal Felipe Alves, entre outros.

A nona edição do Fórum e a quarta edição da Feira vão acontecer nos próximos dias 23 e 24, no Centro de Convenções de Natal. A Feira tem entrada gratuita e o Fórum exige inscrições que podem ser realizadas online através do site www.forumdeturismorn.com.br.

 

Postado às 10h03 DestaqueTurismo Nenhum comentário

Fevereiro segue tendência e turismo estrangeiro cresce novamente no RN.

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

O trabalho de promoção e divulgação dos destinos turísticos potiguares no mercado internacional tem gerado frutos e mais receita ao Estado. Se o mês de janeiro mostrou alta de 69% no número de turistas estrangeiros, fevereiro manteve o saldo positivo com crescimento de 33%, segundo dados do sistema de tráfego da superintendência da Polícia Federal no Rio Grande do Norte.

Foram 3.590 turistas internacionais, sendo 886 a mais do que os 2.704 de fevereiro de 2017. O ranking permanece liderado pela Argentina, país que recebeu maior investimento em divulgação pelo Governo do Estado. Foram 1.435 turistas ou 138% a mais do que o ano passado. Na sequência vem novamente Portugal. Destaque para o crescimento de 42,6% de suecos e de 16,8% de turistas alemãs.

“Está claro o resultado de investimento em feiras e eventos do setor. O retorno é sempre maior: investimos alguns milhares de reais e colhemos milhões, sobretudo no mercado internacional. Vamos trabalhar agora o período da baixa temporada para manter esse percentual em alta”, comentou o o titular da pasta estadual de Turismo, Ruy Gaspar.

A estimativa é de que o número de turistas estrangeiros registrado neste mês de fevereiro tenha deixado em torno de R$ 10 milhões ao cofre estadual. O montante é R$ 2,5 milhões a mais do que os R$ 7,5 milhões de fevereiro do ano passado. Só o turista argentino deixou mais de R$ 4 milhões de receita no Estado potiguar.

Na última semana, o Governo do Estado foi destaque no principal evento turístico de Portugal e um dos maiores da Europa, a BTL Lisboa, com o maior estande do Brasil, reforçando mais uma vez uma presença marcante no país lusitano, hoje o segundo maior emissivo turístico do Estado. A participação potiguar se deu com recursos do Governo Cidadão, via empréstimo do Banco Mundial.

 

Postado às 13h03 DestaqueTurismo Nenhum comentário

Meios de hospedagem de Natal serão fiscalizados próxima semana.

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

Um alerta aos meios de hospedagem de Natal. Na próxima semana, entre os dias 14 e 16, fiscais do Ministério do Turismo e técnicos da Secretaria de Estado do Turismo do RN (Setur RN) irão fiscalizar 50 estabelecimentos. O objetivo é combater a irregularidade relativa ao Cadastur, que é o sistema de cadastro dos prestadores de serviços turísticos, do MTur e coordenado, no Estado potiguar, pela Setur RN.

No próximo dia 14 de março (quarta-feira), às 15 horas, no Centro de Convenções de Natal, será realizada uma reunião com o trade e representantes de classe, além de instituições parceiras, visando alinhar as ações para execução da referida fiscalização.

“O Cadastur não só é obrigatório, mas traz benefícios aos meios de hospedagem e demais categorias turísticas envolvidas. Muitos turistas procuram por segurança e confiabilidade nos serviços de receptivo, de restaurantes, hospedagem ou outros envolvidos na cadeia turística, e esse cadastro confere esses critérios”, ressalta o secretário estadual de Turismo, Ruy Gaspar.

Posteriormente, as demais atividades também serão fiscalizadas, em data a definir.

A Lei nº 11.771/2008 instituiu o cadastro obrigatório para sete atividades – meios de hospedagem, agências de turismo, acampamento turístico, guias de turismo, organizadora de eventos, parques temáticos e transportadoras turísticas.

No cadastro opcional, encontram-se oito atividades – os restaurantes, cafeterias, bares e similares, centro de convenções, locadora de veículo para turistas, casa de espetáculos e equipamento de animação turística, empreendimentos de entretenimento e lazer e parque aquático, empreendimentos de apoio ao turismo náutico e à pesca desportiva, prestador especializado em segmento turístico.

Com o lançamento do Cadastur 3.0 no último mês de fevereiro, os interessados executam seu cadastro direto no site www.cadastur3.turismo.gov.br, onde encontram as informações para a sua realização.

Anualmente são cadastrados e renovados uma média de 300 prestadores de serviços turísticos no RN, entre empresas e guias de turismo, mas, segundo a coordenadora do setor, Graça Pessoa, ainda está abaixo do que seria o ideal, baseados na quantidade de empresas que executam essa atividade, além da obrigatoriedade mencionada.

A fiscalização faz parte da operação “Verão Legal 2018”, do Ministério do Turismo, com parceria dos órgãos oficiais de turismo de todos os Estados, percorrendo todas as capitais brasileiras, no intuito de aumentar a formalização e legalização dos meios de hospedagem e posteriormente, as demais atividades.

Postado às 12h03 DestaqueTurismo Nenhum comentário

Evento será no Serhs Natal Grand Hotel e reunirá autoridades e profissionais do Turismo.

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

Nesta sexta-feira (9), acontecerá no salão Bossa Nova do Serhs Natal Grand Hotel, a partir das 8h, o café da manhã de apresentação da programação do 9º Fórum de Turismo do RN e das atrações da 4ª Feira dos Municípios e Produtos Turísticos do RN, a Femptur. Na ocasião, os diretores da Argus Eventos, empresa promotora do Fórum e Femptur, mostrarão as novidades previstas para este ano.

 

Os dois eventos – Fórum e Feira – se realizarão nos dias 23 e 24 de março, das 14h às 22h, no Centro de Convenções de Natal. Terão a participação de mais de 40 municípios potiguares e de várias empresas do setor privado, como Marazul, Wheltour, Terra Molhada, Dandara, Natal Bus, Serhs Natal Grand Hotel, hotel Villa Park, Data Show, MSom e Royal Prestige, entre outros.

 

Segundo os organizadores do Fórum e da Femptur, Gustavo Porpino e Antonio Roberto Rocha, são esperadas cerca de cinco mil pessoas nos dois dias. “Vale lembrar que o acesso à Femptur é gratuito, assim como o estacionamento, o que levará muitos moradores da Grande Natal a participar do evento”, comenta Porpino.

 

Quanto ao Fórum de Turismo do RN, que chega à sua 9ª edição, Rocha lembra que os seis temas que serão discutidos são bem pertinentes ao momento atual do turismo potiguar, como captação de voos, gestão de centros de convenções, marketing digital, festas populares como indutores da economia e o desenvolvimento de produto turístico.

 

“Nosso auditório será formatado para 640 pessoas, com conforto. Esperamos uma média de ocupação de 80% a 90%, com picos de 100%”, estimou.

 

Postado às 19h03 DestaqueTurismo Nenhum comentário

Ação do Governo no fomento ao emprego faz resort em Touros abrir 400 vagas.

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

Mais oportunidades de emprego e renda foram criadas a partir da agilidade do Governo do Estado em liberar licenças ambientais para a instalação de novas empresas no RN. Desta vez, os frutos estão sendo colhidos através da construção do hotel Vila Galé, em Touros, a cerca de 80 km da capital. A nova unidade hoteleira, que faz parte da maior rede de resorts do país está com as obras adiantadas e tem previsão de abertura para setembro de 2018.

Para suprir a demanda do grande empreendimento, a rede abriu 400 vagas de trabalho, distribuídas nos mais diversos departamentos do hotel e incluem posições no setor de alimentação e bebidas, cozinha, padaria, pastelaria, governança, limpeza, almoxarifado, spa, recreação, hospedagem, manutenção, dentre outras. Os interessados deverão cadastrar seu currículo no site da rede Vila Galé http://emprego.vilagale.com/send.

“Este é o resultado do esforço de nosso governo em atrair novas empresas para o Rio Grande do Norte. A licença ambiental do empreendimento foi liberada em tempo recorde pela equipe do Idema e também estamos investindo na melhoria da infraestrutura da região. Empreendimentos como esse são importantes para movimentar a economia e turismo do Estado, suprir a demanda por serviços, além de oferecer oportunidades de emprego e renda para a população local”, ressaltou o governador Robinson Faria.

Além desses empregos diretos, as obras estão sendo são executadas por uma construtora potiguar e a maior parte do material é adquirido no comércio do Estado. O hotel, que deverá ser o maior do RN, contará com 514 unidades habitacionais, seis restaurantes, quatro bares, piscinas exteriores e interiores, além de um Centro de Convenções de 2 mil m², com capacidade para até 1.200 pessoas. O investimento da rede é de R$ 150 milhões.

O presidente do grupo Vila Galé, Jorge Rebelo de Almeida, explicou que a construção foi possível graças ao apoio e segurança jurídica oferecidos pelo Governo do Estado. “Escolhemos o Rio Grande do Norte porque encontramos melhores condições para implantar o projeto, além de acreditar no grande potencial turístico da região. O estado tem uma beleza única, com paisagens naturais exuberantes”, destacou Almeida.

Ainda de acordo com o presidente, o grupo está priorizando profissionais do município de Touros para trabalhar no resort. “Temos essa preocupação em interagir com a comunidade local. Por isso, pedimos a parceria de instituições para também ajudar na formação dos novos profissionais”.

Sobre o Vila Galé

A rede é um dos principais grupos hoteleiros de Portugal e integra o ranking das 207 maiores empresas hoteleiras no mundo. O Vila Galé de Touros será a 8ª unidade do grupo no Brasil. Ao todo, o grupo possui 27 hotéis, sendo 20 deles em Portugal e sete no Brasil.

Postado às 17h02 DestaqueTurismo Nenhum comentário

Governo do RN leva maior estande nacional à feira de turismo em Portugal.

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

O Governo do Rio Grande do Norte é o maior destaque nacional em uma das maiores feiras de turismo da Europa. A Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL 2018), em Portugal, tem início hoje e segue até domingo com mais de 1000 expositores de quase 40 países.

Após realizar a maior campanha de divulgação da história do turismo potiguar em Portugal no ano de 2015, e de repetir o feito nos anos seguintes, em 2018 o Governo do Estado chega como um dos três estados do Brasil com estande próprio no evento e o maior deles, com 54 m2.

“Essa aposta no mercado lusitano, assim como o argentino, tem se mostrado eficaz. Hoje são os dois maiores emissivos turísticos internacionais do nosso Estado. Mas ainda temos muito a crescer com este mercado”, destacou o secretário estadual de Turismo, Ruy Gaspar.

A presença potiguar é viabilizada com recursos do Governo Cidadão, por intermédio de empréstimo do Banco Mundial. No evento circularão mais de 40 mil pessoas e uma estimativa de 38 mil visitantes profissionais.

Além do Estado potiguar, representado pela equipe da Secretaria de Turismo e da Empresa Potiguar de Promoção Turística (Emprotur), estão presentes o prefeito de Maxaranguape, Luiz Eduardo, e as secretárias de Turismo de Tibau do Sul e de Santa Cruz, Beth Bauchwitz e Marcela Pessoa, respectivamente, além do trade turístico.

“Lamentamos mais uma vez a ausência da Prefeitura de Natal em importantes eventos do setor. Sendo a capital a porta de entrada para nosso turismo seria imprescindível essa presença”, frisou Ruy Gaspar.

Na agenda do evento constam reuniões da equipe da Setur RN e Emprotur com importantes operadores internacionais de países como Rússia, Itália, Reino Unido, França, Colômbia e, claro, Portugal.

“É um evento importante para nossa estratégia de promoção junto ao mercado europeu, sempre potencial para nossos destinos”, reforçou o presidente da Emprotur, Manuel Gaspar.

DIVULGAÇÃO

O resultado das campanhas de divulgação e presença marcante nas feiras de turismo em Portugal começaram a aparecer já em 2016, como a capital potiguar sendo única cidade no Brasil a registrar crescimento de vendas na maior agência de Portugal e uma das maiores da Europa: a Abreu Viagens.

Segundo seu diretor, José Manuel Ferraz, nos quatro primeiros meses de 2016 houve queda generalizada de 4,9% nas vendas para o Brasil. No tocante aos destinos, em todas as outras cidades houve redução acima de 10%. A única exceção foi Natal, com crescimento de 40% no número de passageiros com relação ao ano anterior.

Em dezembro de 2016, o Governo do Estado, com recursos do Governo Cidadão, promoveu seus principais destinos turísticos para milhares de passageiros de voos com destino a países europeus, das américas do Norte e do Sul e ainda da África. A revista de bordo da companhia aérea TAP trouxe, na matéria de capa, as belezas potiguares, além do encosto de cabeça em cada assento e em todos os voos, com mapa interligando a Europa a Natal.

Hoje, Portugal é o segundo maior emissivo de turistas do Rio Grande do Norte, atrás apenas dos argentinos.

Página 4 de 16« Primeira...23456...10...Última »