Marca Maxmeio

Postado às 10h06 CulturaPlantão Nenhum comentário

Publicação, inicialmente fruto da defesa de monografia de Vani Fragosa no curso de Direito da UFRN, obteve nota máxima e menção honrosa por parte da banca examinadora.

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

O livro “Violência doméstica contra a mulher – da invisibilidade à luta pela superação” da militante feminista, assistente social e advogada Vani Fragosa lança no próximo dia 5 de julho, às 18h, na Pinacoteca do Estado.

Sobre a publicação:

A publicação, inicialmente fruto da defesa de monografia no curso de Direito da UFRN, obteve nota máxima e menção honrosa por parte da banca examinadora. “Recebi, com muita alegria, a indicação para concorrer à melhor monografia do Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA) da UFRN, além de sugestão da banca examinadora para transformar o trabalho em livro”, afirma Vani.

O livro trata da questão da violência contra a mulher, fazendo uma espécie de linha do tempo das lutas das mulheres até a conquista da Lei Maria da Penha. Também aborda a previsão dos Grupos Reflexivos de Homens, os quais, no caso dos implementados pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte em Natal, têm destaque especial no livro, haja vista estarem alcançando resultados bastante positivos em que o índice de reincidência processual dos homens que por eles passaram mantem-se em zero.

A noite de lançamento contará com show de Jamily Mendonça, recebendo a participação de Yrahn Barreto e Rousi Flor de Caeté, e com a performance MANIFESTO FEMINA, do grupo Comboio de Teatro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × um =