Marca Maxmeio

Postado às 18h01 CidadePlantão Nenhum comentário
Obras da Moema Tinoco geram 150 empregos e têm o apoio de 40 máquinas.

Obras da Moema Tinoco geram 150 empregos e têm o apoio de 40 máquinas. (Foto: Ivanízio Ramos). 

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

O Governo do Estado está dando andamento às obras do anel viário da região metropolitana. Na zona norte de Natal, por exemplo, o serviço tem como eixo principal a avenida Moema Tinoco, onde os serviços foram reiniciados com o trabalho de 150 pessoas e de 40 equipamentos como retroescavadeiras, motoniveladoras, rolo compressor, caçambas e caminhões pipa.

A obra está dividida em três etapas. A primeira é o trecho entre a rua Conselheiro Tristão até o Rio Doce e contempla a construção de um viaduto com 380 metros de extensão. Atualmente, o trabalho consiste na demolição de imóveis desapropriados.

Os trabalhos se concentram numa extensão de três quilômetros e têm previsão de 120 dias para conclusão.  “O anel viário da zona norte de Natal vai melhorar significativamente o tráfego naquela região e áreas adjacentes. Facilitará a acessibilidade e o fluxo de veículos e fará de Natal a segunda capital do país a contar com esta estrutura”, afirma o governador Robinson Faria.

O diretor-geral do DER, Ernesto Fraxe, informa que o Governo do RN continua atuando para resolver entraves não previstos no projeto original, o que ocasiona a redução da velocidade das obras, como desapropriações de imóveis, indenizações e relocação da rede elétrica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um + oito =