Marca Maxmeio

Postado às 10h12 CidadeDestaque Nenhum comentário

Prefeitura do Natal lança Edital Cine Natal para o seguimento Audiovisual da Cidade.

Redação/Portal de notícias e fotojornalismo Natal/eliasjornalista.com

A Prefeitura do Natal, através da Secretaria de Cultura (Secult/Funcarte), publica na edição de hoje (4) do Diário Oficial do Município (DOM), o edital Cine Natal 2018, voltado para a produção do segmento audiovisual de Natal. O edital e seus respectivos anexos estão disponíveis para baixar no www.blogdafuncarte.com.br

O edital CINE NATAL regulamenta o processo de inscrição e seleção de projetos voltados ao segmento cultural audiovisual. Através de uma seleção pública, a Prefeitura do Natal irá selecionar e premiar projetos audiovisuais inéditos nas categorias curta-metragem, ficção, documentário ou animação propostos por realizadores iniciantes e profissionais e também nos formatos de médias, longas-metragens, seriados para televisão ou webseries.

 Os projetos selecionados devem ser caracterizados como produções independentes de conteúdos audiovisuais brasileiros, não publicitário e inéditos (que ainda não tenha sido finalizado e veiculado).

O CINE NATAL 2018 irá selecionar e premiar 09 (nove) projetos para a produção e finalização de produtos audiovisuais inéditos, dispondo de um valor total de R$200.000,00 (duzentos mil reais) nas seguintes categorias:  a) CATEGORIA I: 02 (dois) prêmios no valor de R$30.000,00 (trinta mil reais) para produção de curtas-metragens propostos por realizadores iniciantes. b) CATEGORIA II: 01 (um) prêmio no valor de R$50.000,00 (cinquenta mil reais) para produção de curtas-metragens propostos por realizadores profissionais. c) CATEGORIA III: 06 (seis) prêmios no valor de R$15.000,00 (quinze mil reais) para a finalização de produtos audiovisuais independentes.

“O Cine Natal tem revolucionado a produção do segmento audiovisual da cidade. Nos últimos é crescente o número de produções potiguares premiadas no Brasil e até no exterior em todos as categorias que são incentivadas. Esperamos mais produções para os próximos anos e tornar perene a produção deste segmento”, comentou Dácio Galvão, secretário de Cultura de Natal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze − três =